Nota de Esclarecimento

Na sequência da publicação feita pela Sra. Paula Correia Araújo, na rede social Facebook no dia 13 de Julho de 2020, a Junta de Freguesia de Vila Nova de Tazem presta o seguinte esclarecimento :

A publicação foi feita de forma descontextualizada, apresentando fotografias sem qualquer tipo de explicação e enquadramento.
As fotografias evidenciam o resultado de um acontecimento ocorrido no passado dia 11 de Julho, no concelho de Gouveia, com especial enfoque na Freguesia de Vila Nova de Tazem e no caso concreto em Tazem. A ocorrência de uma forte trovoada, acompanhada de granizo e de chuva bastante forte provocou o rebentamento da estrutura de parte do ribeiro do fundo do lugar e o transbordo do mesmo em Tazem.
Provocou ainda em vários pontos da Freguesia, o enchimento das condutas da rede de esgoto com as águas da chuva e o consequente transbordo para a via pública através das tampas de esgoto.
A Junta de Freguesia e a Câmara Municipal já se deslocaram ao local a fim de verificar os estragos e a sua resolução.

Assim sendo, a Junta de Freguesia repudia veementemente as acusações infundadas e os comentários mal educados e em tom brejeiro que formam feitos na referida publicação.
O Executivo da Junta de Freguesia é composto por pessoas sérias, educadas e que nunca em qualquer momento, faltaram ao respeito a ninguém na forma como foram visados na publicação. Repudiamos e lamentamos o tom acusatório com que nos apelidam de corruptos bem como a falta de educação evidenciada em alguns comentários.

Relativamente aos acontecimentos relatados sobre os estragos provocados no cemitério da freguesia aquando da passagem da tempestade Elsa em Dezembro de 2019, a Junta de Freguesia esclarece e confirma que a questão com os lesados não está ainda solucionada, não pela indisponibilidade da Junta de Freguesia, mas sim pela falta de entendimento e consenso entre os próprios herdeiros com vista ao encontro de uma solução definitiva.

Quem conhece as pessoas que integram o executivo da Junta de Freguesia, sabe que nenhum delas jamais utilizou palavras de baixo nível para se dirigir a ninguém de forma directa ou indirecta. Como tal, exige o mesmo respeito e educação àqueles que a nós se dirigem de forma directa ou indirecta o que não aconteceu com muitas das pessoas que comentaram a lamentável publicação.

Acreditamos que, tanto a publicação como os respectivos comentários foram feitos tendo em conta essa descontextualização que agora se esclarece.
Como tal, nada mais se espera do que o retratamento das pessoas que dirigiram os insultos à Junta de Freguesia, consubstanciado num pedido de desculpas público.

O Executivo da Junta de Freguesia de Vila Nova de Tazem

Nota de Esclarecimento

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *